• Até 7 dias para devolver a compra
  • Enviamos para todo o Brasil!
  • Em até 12x sem juros no cartão
0
Seu carrinho está vazio

Dicas

Tudo sobre os exaustores: saiba qual modelo escolher!

Publicado em 12.01.2024 |
Visualizações
30 visualizações

O verão chegou e imagino que você esteja pensando em maneiras de se refrescar durante esta estação quente. E se eu te disser que, além dos ventiladores, existe outra opção acessível para garantir uma boa circulação de ar?

Os exaustores desempenham um papel fundamental na qualidade do ar que respiramos e contribuem para uma ventilação adequada nos ambientes. Este dispositivo é indispensável para evitar odores de fumaça e sensações de abafamento.

Além de promover a circulação do ar, os exaustores eliminam diversos elementos indesejáveis, como poeira, odores desagradáveis e umidade. É importante observar os diferentes modelos de exaustores disponíveis para determinar qual atenderá melhor às suas necessidades antes de efetuar a compra.

Ao longo deste artigo, você encontrará:

- Entenda melhor a função de um exaustor
- Diferentes tipos de exaustores
- Aspectos importantes a considerar antes de comprar um exaustor
 
 1 - Entenda melhor a função de um exaustor

A principal função dos exaustores é melhorar a qualidade do ar e da ventilação nos ambientes, criando um espaço mais confortável. Além disso, esses dispositivos podem ser instalados em diversos cômodos, sendo mais comuns em banheiros e cozinhas.

Os exaustores também contribuem para o controle da temperatura, substituindo o ar quente pelo ar fresco, e podem ser combinados com outros dispositivos, como filtros, que melhoram ainda mais a qualidade do ar.

Quando nos referimos a indústrias, os exaustores são frequentemente utilizados para moderar a poluição do ar, que muitas vezes é evidente devido aos processos de produção. Eles capturam e eliminam vapores que poderiam afetar a saúde dos colaboradores, contribuindo para um ambiente mais profissional e agradável.

Nas cozinhas, os exaustores desempenham um papel importante ao remover a fumaça produzida durante o preparo dos alimentos, eliminando gorduras e odores indesejáveis. Portanto, são uma excelente escolha para manter a cozinha limpa.

Além disso, os exaustores também podem ser utilizados em banheiros para controlar a umidade. Ao extrair o vapor gerado pelo chuveiro e outras fontes de umidade, ajudam a reduzir o risco de formação de mofo e bolor.

Clique aqui para conferir os modelos de exaustores disponíveis em nosso site!

2 - Diferentes tipos de exaustores

Exaustores de parede: são instalados nas paredes externas e são ideais para locais onde é possível criar uma abertura para a saída do ar. Este modelo é frequentemente utilizado em indústrias que não podem instalar o equipamento no telhado.

Exaustores de teto: instalados no teto dos ambientes, esses exaustores são geralmente os mais recomendados para a remoção de ar quente, pois retiram diretamente o ar estagnado próximo ao telhado.

Exaustores axiais: este é um dos modelos mais procurados e é caracterizado por suas pás em formato de hélice, que movimentam o ar em linha reta. Geralmente são utilizados em ambientes comerciais e industriais por ser compacto, podendo ser instalados na parede ou no telhado.

Exaustores centrífugos: diferentemente dos axiais, estes exaustores contam com um rotor siroco em seu interior, que direciona o ar para fora de forma eficiente. Este modelo é mais robusto e frequentemente utilizado em ambientes industriais ou comerciais de maior porte, onde é necessária uma maior pressão para exaurir poluentes.

Exaustores eólicos: são alimentados pela força dos ventos e não necessitam de eletricidade para funcionar. São amplamente utilizados em banheiros para a renovação do ar. Sua eficácia está diretamente relacionada à velocidade do vento na região onde estão instalados.
 
3 - Aspectos importantes a considerar antes de comprar um exaustor 

Para fazer uma compra bem-sucedida, é essencial prestar atenção em alguns detalhes ao escolher o modelo adequado, confira: 

Instalação: em determinadas situações, pode ser necessário realizar uma pequena reforma para instalar o exaustor no local desejado. Se essa etapa for conduzida por um profissional qualificado, o trabalho será mínimo e você não precisará se preocupar com detalhes.

Material: se o exaustor estiver exposto a chuva, sujeira e outros resíduos, considere o material ao fazer sua escolha, priorizando a durabilidade.

Tamanho: verifique as recomendações do fabricante quanto à altura ideal de instalação e certifique-se de que ela seja adequada para o local de instalação pretendido.

É crucial ressaltar a importância de realizar manutenções e limpezas periódicas no sistema de ventilação, incluindo dutos e aberturas externas. Isso ajudará a identificar e evitar danos ou obstruções que possam comprometer a eficiência do exaustor.
 
Que bom que você ficou até o final deste artigo sobre exaustores! Aproveite para nos seguir nas redes sociais e ficar por dentro de todos os nossos conteúdos exclusivos! :)

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.